Oliveira, E: Uso da Vinhaça de Alambique em Áreas Cultivadas.pdf

Oliveira, E: Uso da Vinhaça de Alambique em Áreas Cultivadas PDF

Nesta obra, são apresentados resultados de pesquisa realizada em campo, no período de 2 (dois) anos, objetivando avaliar o efeito da aplicação de vinhaça de alambique com e sem complementação nitrogenada em áreas cultivadas com cana-de-açúcar irrigada e não irrigada. A vinhaça de alambique é um resíduo com alta capacidade de poluir, principalmente os recursos hídricos. As doses estimadas de 141,66 e 174 m3 ha-1 de vinhaça de alambique proporcionaram os maiores rendimento de colmos para a cana de terceiro corte, no ambiente irrigado e não irrigado, respectivamente. Na cana de quarto corte, tanto no ambiente irrigado quanto no não irrigado, à medida que aumentou a dose de vinhaça ocorreu aumento no rendimento de colmo. A fibra teve seu valor reduzido com o aumento das doses de vinhaça. No sistema de cana-soca colhida sem prévia despalha a fogo, há necessidade da aplicação de nitrogênio em áreas de aplicação de vinhaça

HERUNTERLADEN

ONLINE LESEN

DATEIGRÖSSE 2.43 MB
ISBN 9783841716118
AUTOR Ednaldo Liberato de Oliveira
DATEINAME Oliveira, E: Uso da Vinhaça de Alambique em Áreas Cultivadas.pdf
VERöFFENTLICHUNGSDATUM 05/01/2020

uma amostra da vinhaça produzida pela usina, para caracterização química. Ná área com uso de aplicações de vinhaça foi realizado um ensaio de uniformidade de aplicação. A Usina Pantanal utiliza autopropelidos em todas as áreas submetidas às aplicações de vinhaça, sistema que faz distribuição do Uso de vinhaça de alambique e nitrogênio em … Há necessidade da aplicação de nitrogênio em áreas de aplicação de vinhaça com ou sem irrigação. O aumento na produtividade final de colmo com irrigação foi de 15% no terceiro corte e de 24% no quarto corte, sendo tecnicamente viável o uso da irrigação em cana soca.